Loja CDCristão.COM
Home
Notícias
Releases/Biografias
Links
Blogs
Orkut
Twitter
Lançamentos
Catálogo
Em Estúdio
Loja Virtual
Ranking
Prêmios
Aniversariantes
Promoções
Newsletter
Agenda/Eventos
Programa Acorde
Cristoteca
Rádio Beatitudes
Clipes
Cifras
Partituras
MP3
Entrevistas
Salmo On-Line
Luiz Carv. Responde
Carta do Papa
Direitos Autorais
Lista de Discussão
Artigos - Músicos
Testemunhos
Artistas
Gravadoras
Rádios Católicas
Divulgação
Fale Conosco!
Pedido de Orações


Nos mais profundo desejo de que tudo dê certo, às vezes agimos de forma desordenada e acabamos por atrapalhar todo um projeto de Deus em nossa vida.

Somos nós quem dizemos sim ou não àquilo que Deus planeja para cada um de nós. O Senhor quer sempre o melhor para cada um de nós, o Senhor tem sempre os melhores planos para nossas vidas, mas nem sempre entendemos o que Deus quer falar, não por culpa de Deus, mas por nossa culpa, nossa tão grande culpa. Deus tudo nos ensina a pensar, a falar, a andar... Diante de todos esses ensinamentos, nos permite ter uma coisa chamada "personalidade". É nesse momento que entra o livre arbítrio, que nada mais é do que a possibilidade de exercer um poder sem outro motivo que não a existência mesma desse poder; liberdade de indiferença.

Muitas vezes nós não aceitamos a condição de servo, não aceitamos nos colocar à disposição de Deus e perguntar pra Ele quando e como agir, e pior ainda, é quando perguntamos e não esperamos sequer a resposta.

Existem inúmeros sentimentos que o mundo nos entrega de bandeja. São sentimentos que podem ser bons, podem ser egoístas, mesquinhos...

Porque uma pessoa, quando fica rica, passa a ser diferente? Você sabe aquele irmão que falava com todo mundo e de repente, após uma melhora de vida, passou a agir diferente e já não anda mais na rua, já não fala mais com as pessoas? É assim... O mundo vai nos presenteando com sentimentos egoístas, sentimento de posse e de poder que vão nos derrotando e nos deixando cada vez mais sós.

Mas Robson, o que isso tem a ver com Ministério de Música? Tem tudo a ver, vamos ver... Eis que surge a idéia na cabeça de um irmão de montar um Ministério de Música. Sempre Deus toca um irmão e este manifesta o sentimento no coração de outros. Deus escolhe pessoas simples, dá dons maravilhosos, permite que sejam aprendidos os mais lindos acordes, tudo isso para que o louvor seja lindo e que pessoas sejam convertidas através de um ministério escolhido para ser ferramenta de evangelização.

Com um sucesso deste ministério, se começa a grande escalada para o plano de levar a Palavra de Deus para todo o Brasil. Conseqüentemente, muitos CDs são vendidos, muitos shows, muito sucesso. O líder do ministério tem a certeza que o seu ministério é o melhor dentro do território nacional, resolve então fazer a coisa do seu jeito: se tocavam POP, passam a tocar rock, valoriza-se de forma soberba os instrumentos que o ministério possui e o que cada um dentro do ministério sabe fazer... Cobram preços absurdos por apresentações, tendo como justificativa que são os melhores e criam dificuldades mil para estarem presentes em louvores, só para dar uma valorizada no ministério. Show de segunda a segunda, sentem que falta algo, mas não sabem explicar o que é. Esquecem a Bíblia, o terço, estão esquecendo até de falar de Deus, procuram no mundo respostas para as coisa de Deus. Deus fala, mas eles estão muito ocupados para escutar.

"Talvez seja melhor parar e recomeçar".

Espero que o seu ministério não esteja assim e que você esteja parando para escutar o que quer o Senhor em sua vida. Aliado ao ato de escutar, que você possa também executar o que pede o Senhor. Se for fiel no pouco, Deus confiará muito mais a você e ao seu Ministério.

 

O que Deus uniu o homem não separe!

Robson Mendes (robsonmendes@aliancadevida.com.br)
Ministério Aliança de Vida - Rio de Janeiro-RJ

  
  
 

Ver outros artigos de Robson Mendes

Voltar para ARTIGOS

Listar TODOS os artigos em ordem alfabética

  
  
  Envie esta página para um ou mais amigos!
  
  
 
Voltar...
  
 
  
 Copyright © 2001 - 2011 por Portal da Música Católica. Todos os direitos reservados.